Fechar
Diferença entre Aromatizador e Difusor

Qual a diferença entre Aromatizador e Difusor? E qual a melhor opção?

Aromatizador vs. Difusor, qual a melhor opção? A resposta correta é: depende. Existem aplicações diferentes para necessidades diferentes. São muitos os fatores que podem fazer de um ou de outro a melhor opção para você.

A principal diferença entre um aromatizador e um difusor está no formato. Vamos explicar um pouco de cada um. Assim, você pode decidir, no seu caso, qual é o melhor.

Aromatizadores

aromatizador de aromas para aromaterapia e óleo essencial

Os aromatizadores vêm no formato spray. Para utilizá-los, é preciso borrifar os locais onde se deseja perfumar. Pode ser usado em diversos ambientes ao mesmo tempo. É possível encontrá-lo como home spray.

Muitas pessoas costumam aplicar em travesseiros, cortinas e armários para deixar ambientes específicos da casa aromatizados. É indicado utilizar onde há bastante ventilação.

Aromatizadores costumam ter álcool na composição. O spray se torna como uma nuvem de perfume, se mantendo no ar.

Existe uma técnica de marketing chamada marketing olfativo. É uma maneira que as empresas têm de conquistar os clientes. Alguns mercados utilizam o cheiro de pão fresquinho. Enquanto isso, muitas lojas desenvolvem aromas próprios para conquistar os clientes.

Claro que o consumidor não realiza a compra apenas pelo cheiro. Contudo,  o aroma desenvolvido pode trazer uma sensação de conforto, fazendo com que o cliente se sinta mais a vontade de permanecer na loja observando as mercadorias com mais atenção.

Um caso famoso de marketing olfativo é o da Disney. Os parques contém aromatizadores por toda a estrutura. Os cheiros fazem com que a ambientação de cada espaço seja característica.

Além disso, alguns pontos do parque têm aromatizadores que liberam cheiros de comida em horários estratégicos, como na hora do almoço, por exemplo.

Difusores

Os difusores podem ser encontrados de diversas formas: vidrinhos com varetas, aparelhos elétricos, com ou sem umidificador, colares, para carros etc. É uma infinidade de formatos que compreende o mesmo propósito em diferentes escalas.

Difusor Pessoal

Esses difusores de aroma são, geralmente, em forma de colares. Poucas gotas de óleo essencial são necessárias para o seu tamanho. A finalidade desse modelo de difusor é realizar um tratamento de aromaterapia mais individual.

difusor de aromas para aromaterapia e óleo essencial

Difusor elétrico

Este é o modelo de difusor de aromas de uso mais comum para a aromaterapia, ultimamente. Existem diversos modelos que umidificam o ar ou com a possibilidade de ionização.

Para a aromaterapia, este é o Difusor de Aromas mais seguro, pois liberam o calor ideal para que as propriedades dos óleos essenciais não sejam perdidas. Todavia, pode ser utilizado também para apenas perfumar o ambiente continuamente de maneira delicada.

Difusor para carros

algumas pessoas gostam de utilizar aromatizadores em seus carros. Existe um modelo de difusor elétrico para veículos, que é colocado no encaixe de cinzeiro. 

Difusor com Varetas

Esse modelo de Difusor com Varetas é tradicional, muitos ambientes comerciais utilizam para estarem constantemente aromatizados. 

Para que o efeito deste difusor esteja sempre ativo, as varetas precisam ser constantemente viradas para que o aroma esteja sempre presente. O indicado é virá-las quando estiverem com a ponta seca, colocando a parte seca dentro da solução com o aroma e a molhada exposta ao ar, liberando-o.

difusor de aromas para aromaterapia e óleo essencial

Difusor de Cerâmica

O Difusor feito de cerâmica é um modelo muito comum, mas ultrapassado. Claro que você pode usá-lo. Fica muito legal em decorações de espaços para meditação, por exemplo. Contudo, é importante ressaltar que para fins de aromaterapia, não é um modelo indicado. O difusor de cerâmica libera o aroma através da chama de uma vela. É quase impossível controlar esse calor para que as propriedades dos óleos essenciais permaneçam íntegras.

Conclusão sobre os Difusores e Aromatizadores

Os difusores estão menos atrelados ao propósito de apenas perfumar e mais com a aromaterapia. A terapia requer que o aroma seja sentido e absorvido aos poucos. Esse tipo de aparelho libera de forma contínua, e faz com que a atmosfera pessoal ou do ambiente se transforme.

Portanto, a maior diferença é o formato e como o aroma de cada um é aplicado. Enquanto o difusor libera o aroma aos poucos, o aromatizador solta conforte a própria pessoa pressiona o spray. 

Se você quiser perfumar um ambiente, ambos os modelos são indicados. Se for de maneira mais pontual, o aromatizador pode ser a melhor escolha. Se quiser um aroma de forma contínua e suave, o difusor é uma melhor opção.

Ambos têm opções com essências artificiais ou com óleos essenciais puros. Não existe melhor opção. Tudo depende do seu propósito.

Se você busca por aromatizadores ou difusores de ambiente de qualidade, visite o nosso site.

Temos diversas opções disponíveis para que você deixe o seu espaço perfumado ou realize seu processo de aromaterapia.

Gostou do conteúdo? Acompanhe nosso blog para mais assuntos como esse. Se quiser, deixe aqui nos comentários qual modelo você mais gosta de usar.

foco-aromaterapia-oleo-essencial-dicas

Como melhorar o seu foco com a Aromaterapia

Você sabia que a aromaterapia pode te ajudar a trabalhar e estudar melhor? Alguns óleos essenciais podem ampliar a capacidade de cognição. Algumas plantas têm propriedades que despertam partes do cérebro referentes ao foco, concentração e acabam dispersando um possível cansaço mental.

O mundo está cada vez mais rápido, exigindo mais de cada um. Isso pode fazer com que você queira fazer tudo, mas acabe procrastinando por não ter foco. E está tudo bem. A aromaterapia pode ajudar a aliviar esse estresse, cansaço mental e trazer mais ânimo.

Você pode querer conciliar trabalho com estudos e rotina de casa. Para que não te falte ânimo e concentração, vamos dar algumas dicas de produtos de aromaterapia que você pode encaixar na sua rotina.

Terapia complementar

aromaterapia-foco-terapia-ansiedade

A Aromaterapia não é utilizada apenas em rotinas para que pessoas encontrem uma alternativa. A prática é reconhecida pelo SUS como Prática Integrativa e Complementar. Pode ser bastante eficaz auxiliando casos de transtornos e síndromes, como TDAH, hiperatividade e autismo. 

Importante ressaltar que, em casos infantis, alguns óleos essenciais não são indicados. Além disso, é uma terapia complementar. Os devidos cuidados médicos devem ser tomados simultaneamente à aromaterapia. 

Óleos essenciais

Alecrim

aromaterapia-foco-terapia-ansiedade-alecrim-oleo-essencial

O óleo essencial de Alecrim tem uma versatilidade incrível. Ele tem propriedades que facilitam a concentração e auxiliam na memória. Esse óleo essencial é bastante utilizado para auxiliar na ansiedade, justamente pelo efeito redutor de estresse que apresenta.

Alguns estudos mostram que o Alecrim pode despertar a mente e melhorar a cognição. Para utilizar em difusores, coloque de 5 a 10 gotas do óleo essencial. Caso opte por fazer uma massagem, dilua 1 ou 2 gotas em uma colher de óleo vegetal.

Laranja 

aromaterapia-foco-terapia-ansiedade-laranja-oleo-essencial

O aroma cítrico é estimulante. Alguns aromaterapeutas chamam o óleo essencial de Laranja como “raio de luz”, pela capacidade de animar a pessoa e aliviar o cansaço mental. 

Assim como o Alecrim, a Laranja é utilizada para combater depressão e ansiedade. Esse óleo essencial tem propriedades regeneradoras, que aliviam a agitação mental.

Além do uso comum em difusores e massagens, uma opção para aproveitar dos benefícios desse óleo essencial é colocar uma gotinha dele em um lenço e carregá-lo com você ou esfregar na palma das mãos. 

Hortelã

O aroma da hortelã é intenso e tem a capacidade de despertar. O óleo essencial da Hortelã traz benefícios como clareza mental, foco e bom-humor. É ideal para quem precisa passar por uma jornada de estudos ou trabalho com determinação e concentração.

A indicação de uso é a tradicional. Você pode colocar de 5 a 10 gotas do óleo essencial em um difusor ou diluir 1 gota em uma colher de óleo vegetal para utilizar em massagens.

Olíbano

aromaterapia-foco-terapia-ansiedade-meditacao-oleo-essencial

O óleo essencial de Olíbano carrega uma carga espiritual bastante forte. Antigamente, estava presente em diversos rituais religiosos. Também era uma moeda de troca. É tão valioso e significativo que, de acordo com a história contada na Bíblia, um dos Reis Magos levou consigo incensos de olíbano para presentear Jesus.

Esse óleo essencial é utilizado, principalmente, para praticantes de Yoga e Meditação, que necessitam de serenidade e concentração. O que é exatamente o que o óleo essencial de Olíbano proporciona.  

Patchouli 

Patchouli é bastante usado para perfumaria, por seu aroma forte e amadeirado. Mas pode ser bem empregado na aromaterapia. A planta tem propriedades que liberam hormônios como serotonina e dopamina, o que pode aliviar agitação, raiva e tristeza e gerar um bom humor. 

O óleo essencial também é regenerador, melhora a circulação e oxigenação dos órgãos. Um cérebro com os hormônios corretos circulando, bem oxigenado e com o fluxo sanguíneo certo, é ideal para uma melhor concentração. 

Os óleos podem ser utilizados em difusores de aroma, colares, massagens, banhos aromatizados etc. Aqui no Portal do Aroma, você pode encontrar sinergias e kits para ajudar os seus propósitos.

Kit Foco

O Kit Foco é montado com produtos da Flora Brasil para estimular concentração e atenção. Ele possui um aromatizador de ambientes a base dos óleos essenciais de hortelã-pimenta, alecrim, eucalipto e cedro. É prático para quem não tem um difusor ou quer levar esses aromas para um ambiente específico. 

Contém dois óleos essenciais separados, o de Hortelã e o de Laranja Amarga. Os aromas mentolado e cítrico podem ser usados juntos ou separados. 

Para finalizar, o kit também vem com um óleo vegetal de semente de uva. Esse óleo é ótimo para fazer massagens. Além de ser um super hidratante para pele e cabelos, é utilizado como carreador para diluir os óleos essenciais. Sendo assim, em momentos que você precisa de foco, pode utilizá-lo para fazer uma massagem no pescoço ou nas têmporas com algumas gotas de óleo essencial de Laranja, por exemplo.  

aromaterapia-foco-terapia-ansiedade-kit-oferta-oleo-essencial

Sinergia alegria

Esse produto também é da Flora Brasil. A Sinergia é formada pelos óleos essenciais de tangerina, alecrim e gengibre. Os aromas são estimulantes, proporcionam clareza mental e melhoram a memória. 

Ele realmente traz um up na sua energia, gerando uma sensação de alegria. Mas também é propício para uma melhor cognição. 

O foco mental e ânimo podem vir com a aromaterapia. Utilizando os óleos essenciais na medida correta, você consegue estudar ou trabalhar de maneira produtiva, sem procrastinações.

E aí, gostou do conteúdo? Conta aqui nos comentários se você já utiliza algum dos óleos essenciais.

Caso você se interesse, pode visitar a nossa loja e achar todos esses itens da aromaterapia.

imunidade-oleos-essenciais-covid-corona

Óleos Essenciais para reforçar sua imunidade

Que os óleos essenciais auxiliam no tratamento de doenças, você já deve saber. Mas, você sabia que também podem ser utilizados como tratamento preventivo, reforçando o seu sistema imunológico?

Pois é! Geralmente, o assunto imunidade relacionado a óleos essenciais é bem recorrente no período de inverno, por ser o momento que diversas doenças respiratórias aparecem ou se agravam. 

Contudo, nos tempos em que estamos vivendo, muitas pessoas estão buscando por mais imunidade em seus organismos.

Independente da estação do ano. A aromaterapia pode auxiliar até nesse fator. 

Óleo essencial de Tea Tree/Melaleuca

A Melaleuca – ou Tea Tree – é bastante utilizada em cosméticos por ser um cicatrizante potente, combatendo espinhas e controlando peles oleosas. Seu óleo essencial, para aromaterapia, é utilizado como um poderoso antiviral e estimulante ao sistema imunológico.

Por isso, muitos pacientes em tratamentos oncológicos e de HIV utilizam o óleo essencial de Tea Tree como auxiliar para a imunidade. Além disso, o composto também é antifúngico, antisséptico, bactericida e anti infeccioso. 

Óleo Essencial de Bergamota

O óleo essencial de Bergamota é bem indicado para quem tem herpes, por ser um ótimo antiviral. Ele também é antisséptico. Por esses fatores, é recomendado para quem está em recuperação de catapora.

Além dessas características, ele age no âmbito mental em questões de medo do desconhecido, vulnerabilidade, perdas e dor. No momento atual, algo que alivie esses sintomas é extremamente necessário.

óleos essenciais de bergamota para imunidade

Óleo Essencial de Tomilho

O Tomilho tem propriedades que são extremamente úteis em períodos famosos por terem alta transmissão de viroses e demais doenças. Isso porque o óleo essencial da erva é bactericida, antifúngico, antiviral, expectorante, neurotônico e imunoestimulante.

A composição desse óleo essencial faz com que seja rico em fenóis. Fator que auxilia a tratar e prevenir viroses, infecções fúngicas, infecções bacterianas. 

óleos essenciais de tomilho para imunidade

Óleo Essencial de Eucalipto

Pode ser um composto ideal para aumentar a imunidade. O óleo essencial de eucalipto é antiviral, antibacteriano, antifúngico e desintoxicante. Além de proteger o ambiente – e quem esteja nele – de fungos e bactérias, ele alivia congestões nasais.

Outro benefício desse óleo essencial é funcionar como um regulador de pressão arterial. Quem sofre de hipertensão pode utilizar o óleo para melhorar essa questão naturalmente. 

óleos essenciais de eucalipto para imunidade

Óleo Essencial de Cedro

O óleo essencial de Cedro é, principalmente, antifúngico e antisséptico. Ele também tem características que auxiliam no metabolismo e no bom desempenho dos órgãos. Parte disso por ser diurético e poder agilizar a eliminação de toxinas do corpo.

Além de tudo isso, ele é um potente expectorante, ajudando no tratamento de doenças respiratórias. 

óleos essenciais de cedro para imunidade

Sinergias

Na aromaterapia, sempre existe a possibilidade de combinar dois ou mais óleos essenciais para que eles trabalhem em sinergia. Juntar alguns desses óleos essenciais citados pode favorecer o fortalecimento da sua imunidade e de quem estiver no ambiente.

Aromaterapia contra o novo Coronavírus

Não existe um tratamento eficaz comprovado contra a doença Covid-19. Mas existem formas de se proteger para que o vírus não chegue até você. Como? Lavar bem as mãos ou utilizar álcool em gel. Inclusive, você pode potencializar o seu álcool em gel.

óleos essenciais para imunidade coronavírus

Para isso, uma opção é adicionar 12 gotinhas de óleo essencial de Tea Tree (Melaleuca) em 60 ml de álcool em gel. Faz do álcool uma loção antisséptica.  

Um dos sintomas que o novo coronavírus pode causar nos infectados é a dor de cabeça, chegando até a uma enxaqueca. Para combater, você pode utilizar óleos essenciais de:

  • Lavanda: O aroma da Lavanda é um grande coringa na aromaterapia. Ela acalma dores de cabeça, alivia enxaquecas, gera calma e tranquilidade em quem a utiliza.
  • Gerânio: O óleo essencial de Gerânio, além de combater dores de cabeça com suas propriedades analgésicas, traz uma sensação de conforto e alegria ao ambiente.
  • Alecrim: O óleo essencial de Alecrim conta com propriedades anti inflamatórias e analgésicas. É bastante indicado para quem sofre com sinusites e dores de cabeça.
  • Hortelã: Esse óleo essencial pode ser utilizado para aliviar diversos sintomas da infecção do novo coronavírus, dentre elas a dor de cabeça. Mas pode ser útil em casos de febres, dores de garganta, congestão nasal. 
óleos essenciais de lavanda para imunidade

Tanto o óleo essencial de Alecrim quanto o de Lavanda e o de Gerânio também combatem sintomas de ansiedade, depressão e estresse. O psicológico, muitas vezes, afeta o físico. 

Por isso, utilizar óleos essenciais com propriedades ansiolíticas pode ser uma forma de fortalecer a sua imunidade. Principalmente se você tem predisposição a depressão e ansiedade.

Todos esses óleos essenciais podem ser utilizados das mais variadas formas. Se você deseja proteger todo um ambiente, o mais indicado é utilizar difusores de aromas para isso. 

difusor de aromas e óleos essenciais para imunidade

Caso seja para tratar um sintoma existente, você pode optar por diluir um óleo essencial em um óleo vegetal para realizar uma massagem. Alguns óleos essenciais também podem ser adicionados à água para que você beba durante o dia. Porém, verifique antes o tipo de extração feita para obter o produto. Alguns utilizam de solventes e são impróprios para o consumo.

Você também pode fortalecer a sua imunidade aumentando o consumo de água diário, se alimentando de maneira equilibrada, praticando exercícios físicos e dormindo corretamente.

Conclusão

Relembrando que não existem tratamentos com eficácia comprovada para a doença da Covid-19. Protocolos da OMS e Ministério da Saúde devem ser seguidos para prevenção. A aromaterapia pode auxiliar no alívio dos sintomas e fortalecimento da imunidade. 

Caso você sinta algum dos sintomas da doença como febre, tosse seca, cansaço, falta de ar ou dificuldade para respirar, dores de cabeça intensas, dor de garganta, diarreia, perda de olfato e/ou paladar, procure atendimento médico imediatamente. 

Além disso, evite se automedicar. É uma prática perigosa que pode pôr a sua saúde em risco.

E aí, gostou do conteúdo?  Escreva aqui nos comentários como você fortalece a sua imunidade. Usa algum óleo essencial específico? 

Óleo essencial de Tea Tree (Melaleuca)

História do Óleo Essencial de Tea Tree

Tea Tree é um antigo remédio aborígine (Australiano). O povo bundjaling usava as folhas esmagadas como cataplasma para feridas infeccionadas e problemas de pele. Foi chamada de Tea Tree (árvore do chá) quando o capitão Cook e seus marujos ferveram as folhas para variar o seu chá cotidiano e descobriram uma bebida agradável e picante.

É um dos óleos essenciais mais pesquisados cientificamente e, em 1925, W. R. Penfold, um químico do governo australiano, foi o primeiro a publicar o fato de que o óleo de Tea Tree é 13 vezes mais forte do que o Fenol e o Ácido Carbônico. Em 1930, um artigo do Medical Journal of Austrália comentou sobre a sua eficácia como agente germicida. Em 1937, descobriu-se que pus, sangue e outros fluidos orgânicos de fato, ao serem tratados com a Melaleuca, diminuíam a infecção, aumentando assim o conhecimento do poder antisséptico do óleo em 10 a 12%. Após a Segunda Guerra Mundial, o interesse pelo óleo diminuiu com a difusão do uso do antibiótico, mas desde então o óleo de Tea Tree tem sido estudado por muitos povos, e se poderia dizer que se tornou a cura milagrosa dos anos 1990.

Para comprar, clique aqui

Aspectos Botânicos do Tea Tree:

Trata-se de uma árvore aromática, pertencente à família das Mirtáceas (igual ao eucalipto) caracterizada por apresentar uma altura de 5 a 7 metros; possui folhas pontiagudas, com cerca de 3,5 cm de largura; flores esbranquiçadas, com cinco pétalas dispostas em espigas densas, com cerca de 5 cm de largura e que aparecem na primavera; o fruto é uma pequena cápsula lenhosa.

Para comprar, clique aqui

Observações sobre o óleo essencial de Tea Tree

embalagem: Frasco de vidro âmbar com gotejador contendo 10 ml de óleo essencial

Nome Científico: Melaleuca alternifolia

Parte utilizada da planta:Folhas e Galhos.

Tipo de Extração: Destilação a vapor.

Combina com: Canela, Cravo-da-Índia, Cipreste, Eucalipto, Gengibre, Lavanda, Limão, Mandarina, Laranja, Alecrim e Tomilho.

Utilize com: Óleo Vegetal, Argila Medicinal, Creme Base Neutro, Gel de Aloe Vera, Aromatizador Pessoal e/ou Difusor de Aromas para o Ambiente.

Para comprar, clique aqui

Modo de Uso dos Óleos Essenciais

Aromatizador: aproximadamente 15 gotas

Banhos: 20 gotas após encher a banheira dissolvidas em uma colher de sopa de óleo vegetal, mel ou vinagre orgânico de maçã

Compressa: 5 a 10 gotas em 1/2 litro de água

Inalação: 2 gotas em um lenço ou inalador com soro fisiológico ou água

Massagem: 1 a 3 gotas por colher de sopa de óleo vegetal

Óleo para rosto: 1 gota em 1 colher de sopa de carreador

Óleo para cabelos: 1 a 3 gotas por colher de sopa de óleo vegetal ou shampoo

Uso tópico: 5 gotas por colher de sopa de óleo vegetal

Os óleos essenciais são substâncias concentradas e devem sempre ser diluídos, e utilizados sob a orientação de um profissional qualificado. O Portal do Aroma não se responsabiliza pelo uso indevido dos produtos aqui vendidos.

Para comprar, clique aqui

Óleo Essencial de Alecrim

14 benefícios e usos do óleo essencial de alecrim

O alecrim (Rosmarinus officinalis) é um arbusto perene com folhas em forma de agulha e um aroma amadeirado.

Embora seja mais conhecido como tempero alimentar, é uma das plantas aromáticas e medicinais mais populares do mundo.

O óleo essencial de alecrim – que contém os principais componentes ou essência da planta – é extraído e vendido em pequenas garrafas.

Devido ao uso do óleo de alecrim na medicina popular, muitos cientistas agora estão testando seus potenciais benefícios à saúde.

Embora a maior parte desta pesquisa esteja apenas começando, ela suporta alguns usos tradicionais do petróleo e ilustra possíveis novos usos.

Aqui estão 14 benefícios potenciais e usos do óleo essencial de alecrim.

1. Pode melhorar a função cerebral

Na Grécia e Roma antigas, o alecrim era pensado para fortalecer a memória.

Pesquisas indicam que a inalação de óleo de alecrim ajuda a impedir a quebra da acetilcolina, uma substância química cerebral importante para o pensamento, a concentração e a memória.

Quando 20 adultos jovens foram questionados sobre matemática em uma pequena sala difundida com óleo de alecrim, sua velocidade e precisão aumentaram em proporção direta à duração da difusão do óleo.

Além disso, os níveis sanguíneos de certos compostos de alecrim também aumentaram – ilustrando que o alecrim pode entrar em seu corpo respirando sozinho.

Da mesma forma, os estudantes de enfermagem que respiraram óleo de alecrim durante o teste relataram aumento da concentração e recuperação de informações em comparação com a respiração com óleo de lavanda ou sem óleo essencial.

Outras pesquisas sugerem que respirar alecrim e outros óleos essenciais podem melhorar a função cerebral em idosos com demência, incluindo aqueles com doença de Alzheimer.

Lembre-se de que são necessárias mais pesquisas.

Comprar óleo essencial de Alecrim

2. Estimula o crescimento do cabelo

Um dos tipos mais comuns de perda de cabelo é a alopecia androgenésica, mais conhecida como calvície masculina, embora também possa afetar mulheres (10).

O óleo de alecrim trata a alopecia androgenésica, impedindo que um subproduto da testosterona ataque os folículos capilares, que é a causa dessa condição.

Quando homens com alopecia androgenésica massagearam óleo de alecrim diluído no couro cabeludo duas vezes por dia durante seis meses, eles experimentaram o mesmo aumento na espessura do cabelo que aqueles que usavam Minoxidil (Rogaine), um remédio comum para o crescimento do cabelo.

Além disso, aqueles que usaram o óleo de alecrim relataram menos prurido no couro cabeludo em comparação com o Minoxidil, o que sugere que o alecrim pode ser mais tolerável.

Outra pesquisa indica que o óleo de alecrim pode combater a perda de cabelo irregular, ou alopecia arreata, que afeta até metade da população abaixo dos 21 anos e cerca de 20% das pessoas acima dos 40 anos.

Quando pessoas com alopecia arreata esfregavam uma mistura de óleo essencial de alecrim no couro cabeludo todos os dias durante sete meses, 44% apresentaram melhora na perda de cabelo em comparação com apenas 15% no grupo controle, que usava os óleos neutros de jojoba e uva.

3. Pode ajudar a aliviar a dor

Na medicina popular, o alecrim é utilizado como um analgésico leve.

Em um estudo de duas semanas, os sobreviventes de derrame com dor no ombro que receberam uma mistura de óleo de alecrim com compressão por 20 minutos duas vezes ao dia experimentaram uma redução de 30% na dor. Aqueles que receberam apenas apressam tiveram uma redução de 15% na dor.

Além disso, um estudo em animais determinou que o óleo de alecrim era um pouco mais eficaz para a dor do que o acetaminofeno, um medicamento comum para a dor sem receita.

Comprar óleo essencial de Alecrim

4. Repele certos erros

Para deter insetos nocivos que podem morder ou infestar seu jardim, considere o óleo de alecrim como uma alternativa natural aos produtos químicos.

Quando um pesticida à base de óleo de alecrim, EcoTrol, foi pulverizado em tomateiro com efeito de estufa, reduziu a população de ácaros-aranha em 52%, sem prejudicar as plantas.

O alecrim também ajuda a repelir certos insetos sugadores de sangue que podem espalhar vírus e bactérias prejudiciais.

Quando o óleo de alecrim foi medido contra outros 11 óleos essenciais, teve o efeito repelente mais prolongado nos mosquitos Aedes aegypti, que espalharam o vírus Zika. Uma diluição de 12,5% de óleo de alecrim repeliu 100% dos mosquitos por 90 minutos.

Além disso, um spray contendo 10% de óleo de alecrim foi igualmente eficaz como o inseticida químico bifentrina no controle da propagação de carrapatos de patas negras – que abrigam a doença de Lyme – em áreas infestadas de carrapatos no nordeste dos EUA.

5. Pode aliviar o estresse

Muitos fatores podem causar estresse – incluindo exames escolares. A inalação de óleo de alecrim pode ajudar a reduzir a ansiedade do teste.

Quando os estudantes de enfermagem respiravam óleo de alecrim de um inalador antes e durante o tempo de teste, o pulso diminuía cerca de 9% – enquanto nenhuma mudança significativa ocorreu sem o óleo de alecrim.

Como o aumento das taxas de pulso reflete o estresse e a ansiedade a curto prazo, o óleo de alecrim pode reduzir naturalmente o estresse.

Além disso, quando 22 adultos jovens cheiraram o óleo de alecrim por 5 minutos, sua saliva apresentava níveis 23% mais baixos do hormônio do estresse cortisol em comparação com aqueles que cheiravam um composto não aromático.

Níveis elevados de cortisol podem suprimir seu sistema imunológico

Comprar óleo essencial de Alecrim

6. Pode aumentar a circulação

A má circulação é uma queixa comum. Você pode notar mais nas mãos e nos pés.

Se você sentir dedos das mãos e dos pés frios – mesmo em temperaturas relativamente quentes – vale a pena considerar o óleo de alecrim.

Em um estudo, uma mulher com a doença de Raynaud – que prejudica a circulação – massageou as mãos com uma mistura de óleo de alecrim, descobrindo que isso ajudava a aquecer os dedos mais do que um óleo neutro. Esses efeitos foram confirmados por imagem térmica.

Se você tem a doença de Raynaud, os vasos sanguíneos nos dedos das mãos e dos pés se contraem quando você está com frio ou estressado, fazendo com que eles percam a cor e fiquem frios.

O óleo de alecrim pode ajudar expandindo os vasos sanguíneos, aquecendo o sangue para que ele alcance seus dedos das mãos e pés com mais facilidade.

Mais pesquisas são necessárias para confirmar esses efeitos – mas o alecrim pode ser um experimento interessante e de baixo custo.

7. Pode ajudar a animar você

O óleo de alecrim é comumente usado para tensão mental e fadiga na medicina popular.

Quando 20 jovens adultos saudáveis ​​inalaram óleo de alecrim, eles relataram sentir-se cerca de 30% mais refrescados mentalmente e cerca de 25% menos sonolentos em comparação com o cheiro de um óleo de placebo.

Esse aumento no estado de alerta correspondia a alterações nas ondas cerebrais e aumentos na freqüência cardíaca, respiração e pressão arterial.

A aplicação de óleo de alecrim diluído na pele pode proporcionar benefícios semelhantes, pois pode atingir seu cérebro por esse caminho.

Em um estudo, a aplicação de óleo de alecrim diluído na pele fez com que 35 pessoas saudáveis ​​se sentissem significativamente mais atentas, alertas, enérgicas e alegres após 20 minutos do que quando usavam um óleo de placebo.

Ainda assim, são necessárias mais pesquisas nessa área para confirmar esses resultados.

Comprar óleo essencial de Alecrim

8. Pode reduzir a inflamação das articulações

Evidências preliminares sugerem que o óleo de alecrim pode ajudar a reduzir a inflamação dos tecidos que pode levar a inchaço, dor e rigidez.

Isso pode ser feito ao impedir a migração de glóbulos brancos para tecidos lesionados, a fim de liberar substâncias químicas inflamatórias.

Quando as pessoas com artrite reumatoide receberam massagens de 15 minutos no joelho usando uma mistura de óleo de alecrim três vezes por semana, tiveram uma redução de 50% na dor inflamatória no joelho em duas semanas, em comparação com uma queda de 12% naquelas que não receberam o óleo.

A artrite reumatoide é uma condição autoimune na qual o próprio sistema imunológico do seu corpo ataca tecidos, como joelhos e outras articulações, lesionando o revestimento da articulação e causando inflamação.

Mais pesquisas são necessárias sobre o impacto do alecrim na inflamação.

9-13. Outros usos

Os cientistas estão investigando vários outros usos do óleo de alecrim, mas faltam estudos em humanos.

Os estudos com tubos de ensaio não são equivalentes a pesquisas em humanos que testam óleos essenciais por inalação ou aplicação tópica, que são aceitos para pessoas.

Além disso, alguns estudos em animais administraram óleo de alecrim por via oral, mas isso não é recomendado. Os óleos essenciais não devem ser engolidos.

Ainda assim, o óleo de alecrim pode ser útil para:

– Câncer: o óleo de alecrim tem efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios, que os estudos em tubo de ensaio sugerem que podem combater as células cancerígenas.

– Saúde hepática e digestiva: estudos em animais indicam que o óleo de alecrim pode estimular a liberação da bile, que é importante na digestão de gorduras, e ativar seus próprios mecanismos de defesa antioxidante para proteger seu fígado.

– Intoxicação alimentar: o óleo de alecrim pode ajudar a inibir o crescimento de certas cepas de bactérias que causam intoxicação alimentar. Isso requer o uso de quantidades muito pequenas e precisas de óleo de qualidade alimentar. Não experimente isso em casa.

– Efeitos colaterais de antibióticos: alecrim e outros óleos essenciais podem aumentar a eficácia de certos antibióticos. Isso pode permitir uma dose mais baixa desses medicamentos, o que poderia reduzir os efeitos colaterais

– Resistência a antibióticos: alecrim e outros óleos essenciais podem enfraquecer as paredes celulares de bactérias resistentes a antibióticos – não apenas danificando-as, mas também permitindo a entrada de antibióticos.

14. Fácil de Usar

O óleo de alecrim pode ser inalado ou aplicado topicamente. Como é muito concentrado, você deve usar apenas algumas gotas de cada vez. As garrafas pequenas em que é vendido contêm conta-gotas de plástico que facilitam a distribuição de gotas únicas.

Embora alguns fabricantes afirmem que é seguro engolir ou consumir seus óleos essenciais, não há evidências científicas que apoiem isso – especialmente a longo prazo. Os óleos essenciais nunca devem ser engolidos.

Comprar óleo essencial de Alecrim


O alecrim (Rosmarinus officinalis) é um arbusto perene com folhas em forma de agulha e um aroma amadeirado.

Embora seja mais conhecido como tempero alimentar, é uma das plantas aromáticas e medicinais mais populares do mundo.

O óleo essencial de alecrim – que contém os principais componentes ou essência da planta – é extraído e vendido em pequenas garrafas.

Devido ao uso do óleo de alecrim na medicina popular, muitos cientistas agora estão testando seus potenciais benefícios à saúde.

Embora a maior parte desta pesquisa esteja apenas começando, ela suporta alguns usos tradicionais do petróleo e ilustra possíveis novos usos.

Aqui estão 14 benefícios potenciais e usos do óleo essencial de alecrim.

1. Pode melhorar a função cerebral

Na Grécia e Roma antigas, o alecrim era pensado para fortalecer a memória.

Pesquisas indicam que a inalação de óleo de alecrim ajuda a impedir a quebra da acetilcolina, uma substância química cerebral importante para o pensamento, a concentração e a memória.

Quando 20 adultos jovens foram questionados sobre matemática em uma pequena sala difundida com óleo de alecrim, sua velocidade e precisão aumentaram em proporção direta à duração da difusão do óleo.

Além disso, os níveis sanguíneos de certos compostos de alecrim também aumentaram – ilustrando que o alecrim pode entrar em seu corpo respirando sozinho.

Da mesma forma, os estudantes de enfermagem que respiraram óleo de alecrim durante o teste relataram aumento da concentração e recuperação de informações em comparação com a respiração com óleo de lavanda ou sem óleo essencial.

Outras pesquisas sugerem que respirar alecrim e outros óleos essenciais podem melhorar a função cerebral em idosos com demência, incluindo aqueles com doença de Alzheimer.

Lembre-se de que são necessárias mais pesquisas.

Comprar óleo essencial de Alecrim

2. Estimula o crescimento do cabelo

Um dos tipos mais comuns de perda de cabelo é a alopecia androgenésica, mais conhecida como calvície masculina, embora também possa afetar mulheres (10).

O óleo de alecrim trata a alopecia androgenésica, impedindo que um subproduto da testosterona ataque os folículos capilares, que é a causa dessa condição.

Quando homens com alopecia androgenésica massagearam óleo de alecrim diluído no couro cabeludo duas vezes por dia durante seis meses, eles experimentaram o mesmo aumento na espessura do cabelo que aqueles que usavam Minoxidil (Rogaine), um remédio comum para o crescimento do cabelo.

Além disso, aqueles que usaram o óleo de alecrim relataram menos prurido no couro cabeludo em comparação com o Minoxidil, o que sugere que o alecrim pode ser mais tolerável.

Outra pesquisa indica que o óleo de alecrim pode combater a perda de cabelo irregular, ou alopecia arreata, que afeta até metade da população abaixo dos 21 anos e cerca de 20% das pessoas acima dos 40 anos.

Quando pessoas com alopecia arreata esfregavam uma mistura de óleo essencial de alecrim no couro cabeludo todos os dias durante sete meses, 44% apresentaram melhora na perda de cabelo em comparação com apenas 15% no grupo controle, que usava os óleos neutros de jojoba e uva.

3. Pode ajudar a aliviar a dor

Na medicina popular, o alecrim é utilizado como um analgésico leve.

Em um estudo de duas semanas, os sobreviventes de derrame com dor no ombro que receberam uma mistura de óleo de alecrim com compressão por 20 minutos duas vezes ao dia experimentaram uma redução de 30% na dor. Aqueles que receberam apenas apressam tiveram uma redução de 15% na dor.

Além disso, um estudo em animais determinou que o óleo de alecrim era um pouco mais eficaz para a dor do que o acetaminofeno, um medicamento comum para a dor sem receita.

Comprar óleo essencial de Alecrim

4. Repele certos erros

Para deter insetos nocivos que podem morder ou infestar seu jardim, considere o óleo de alecrim como uma alternativa natural aos produtos químicos.

Quando um pesticida à base de óleo de alecrim, EcoTrol, foi pulverizado em tomateiro com efeito de estufa, reduziu a população de ácaros-aranha em 52%, sem prejudicar as plantas.

O alecrim também ajuda a repelir certos insetos sugadores de sangue que podem espalhar vírus e bactérias prejudiciais.

Quando o óleo de alecrim foi medido contra outros 11 óleos essenciais, teve o efeito repelente mais prolongado nos mosquitos Aedes aegypti, que espalharam o vírus Zika. Uma diluição de 12,5% de óleo de alecrim repeliu 100% dos mosquitos por 90 minutos.

Além disso, um spray contendo 10% de óleo de alecrim foi igualmente eficaz como o inseticida químico bifentrina no controle da propagação de carrapatos de patas negras – que abrigam a doença de Lyme – em áreas infestadas de carrapatos no nordeste dos EUA.

5. Pode aliviar o estresse

Muitos fatores podem causar estresse – incluindo exames escolares. A inalação de óleo de alecrim pode ajudar a reduzir a ansiedade do teste.

Quando os estudantes de enfermagem respiravam óleo de alecrim de um inalador antes e durante o tempo de teste, o pulso diminuía cerca de 9% – enquanto nenhuma mudança significativa ocorreu sem o óleo de alecrim.

Como o aumento das taxas de pulso reflete o estresse e a ansiedade a curto prazo, o óleo de alecrim pode reduzir naturalmente o estresse.

Além disso, quando 22 adultos jovens cheiraram o óleo de alecrim por 5 minutos, sua saliva apresentava níveis 23% mais baixos do hormônio do estresse cortisol em comparação com aqueles que cheiravam um composto não aromático.

Níveis elevados de cortisol podem suprimir seu sistema imunológico

Comprar óleo essencial de Alecrim

6. Pode aumentar a circulação

A má circulação é uma queixa comum. Você pode notar mais nas mãos e nos pés.

Se você sentir dedos das mãos e dos pés frios – mesmo em temperaturas relativamente quentes – vale a pena considerar o óleo de alecrim.

Em um estudo, uma mulher com a doença de Raynaud – que prejudica a circulação – massageou as mãos com uma mistura de óleo de alecrim, descobrindo que isso ajudava a aquecer os dedos mais do que um óleo neutro. Esses efeitos foram confirmados por imagem térmica.

Se você tem a doença de Raynaud, os vasos sanguíneos nos dedos das mãos e dos pés se contraem quando você está com frio ou estressado, fazendo com que eles percam a cor e fiquem frios.

O óleo de alecrim pode ajudar expandindo os vasos sanguíneos, aquecendo o sangue para que ele alcance seus dedos das mãos e pés com mais facilidade.

Mais pesquisas são necessárias para confirmar esses efeitos – mas o alecrim pode ser um experimento interessante e de baixo custo.

7. Pode ajudar a animar você

O óleo de alecrim é comumente usado para tensão mental e fadiga na medicina popular.

Quando 20 jovens adultos saudáveis ​​inalaram óleo de alecrim, eles relataram sentir-se cerca de 30% mais refrescados mentalmente e cerca de 25% menos sonolentos em comparação com o cheiro de um óleo de placebo.

Esse aumento no estado de alerta correspondia a alterações nas ondas cerebrais e aumentos na freqüência cardíaca, respiração e pressão arterial.

A aplicação de óleo de alecrim diluído na pele pode proporcionar benefícios semelhantes, pois pode atingir seu cérebro por esse caminho.

Em um estudo, a aplicação de óleo de alecrim diluído na pele fez com que 35 pessoas saudáveis ​​se sentissem significativamente mais atentas, alertas, enérgicas e alegres após 20 minutos do que quando usavam um óleo de placebo.

Ainda assim, são necessárias mais pesquisas nessa área para confirmar esses resultados.

Comprar óleo essencial de Alecrim

8. Pode reduzir a inflamação das articulações

Evidências preliminares sugerem que o óleo de alecrim pode ajudar a reduzir a inflamação dos tecidos que pode levar a inchaço, dor e rigidez.

Isso pode ser feito ao impedir a migração de glóbulos brancos para tecidos lesionados, a fim de liberar substâncias químicas inflamatórias.

Quando as pessoas com artrite reumatoide receberam massagens de 15 minutos no joelho usando uma mistura de óleo de alecrim três vezes por semana, tiveram uma redução de 50% na dor inflamatória no joelho em duas semanas, em comparação com uma queda de 12% naquelas que não receberam o óleo.

A artrite reumatoide é uma condição autoimune na qual o próprio sistema imunológico do seu corpo ataca tecidos, como joelhos e outras articulações, lesionando o revestimento da articulação e causando inflamação.

Mais pesquisas são necessárias sobre o impacto do alecrim na inflamação.

9-13. Outros usos

Os cientistas estão investigando vários outros usos do óleo de alecrim, mas faltam estudos em humanos.

Os estudos com tubos de ensaio não são equivalentes a pesquisas em humanos que testam óleos essenciais por inalação ou aplicação tópica, que são aceitos para pessoas.

Além disso, alguns estudos em animais administraram óleo de alecrim por via oral, mas isso não é recomendado. Os óleos essenciais não devem ser engolidos.

Ainda assim, o óleo de alecrim pode ser útil para:

– Câncer: o óleo de alecrim tem efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios, que os estudos em tubo de ensaio sugerem que podem combater as células cancerígenas.

– Saúde hepática e digestiva: estudos em animais indicam que o óleo de alecrim pode estimular a liberação da bile, que é importante na digestão de gorduras, e ativar seus próprios mecanismos de defesa antioxidante para proteger seu fígado.

– Intoxicação alimentar: o óleo de alecrim pode ajudar a inibir o crescimento de certas cepas de bactérias que causam intoxicação alimentar. Isso requer o uso de quantidades muito pequenas e precisas de óleo de qualidade alimentar. Não experimente isso em casa.

– Efeitos colaterais de antibióticos: alecrim e outros óleos essenciais podem aumentar a eficácia de certos antibióticos. Isso pode permitir uma dose mais baixa desses medicamentos, o que poderia reduzir os efeitos colaterais

– Resistência a antibióticos: alecrim e outros óleos essenciais podem enfraquecer as paredes celulares de bactérias resistentes a antibióticos – não apenas danificando-as, mas também permitindo a entrada de antibióticos.

14. Fácil de Usar

O óleo de alecrim pode ser inalado ou aplicado topicamente. Como é muito concentrado, você deve usar apenas algumas gotas de cada vez. As garrafas pequenas em que é vendido contêm conta-gotas de plástico que facilitam a distribuição de gotas únicas.

Embora alguns fabricantes afirmem que é seguro engolir ou consumir seus óleos essenciais, não há evidências científicas que apoiem isso – especialmente a longo prazo. Os óleos essenciais nunca devem ser engolidos.

Comprar óleo essencial de Alecrim

Porque nós o usamos?

É um fato conhecido de todos que um leitor se distrairá com o conteúdo de texto legível de uma página quando estiver examinando sua diagramação. A vantagem de usar Lorem Ipsum é que ele tem uma distribuição normal de letras, ao contrário de “Conteúdo aqui, conteúdo aqui”, fazendo com que ele tenha uma aparência similar a de um texto legível. Muitos softwares de publicação e editores de páginas na internet agora usam Lorem Ipsum como texto-modelo padrão, e uma rápida busca por ‘lorem ipsum’ mostra vários websites ainda em sua fase de construção. Várias versões novas surgiram ao longo dos anos, eventualmente por acidente, e às vezes de propósito (injetando humor, e coisas do gênero).

Voltar Para o Topo